- Links
» Página Inicial
» Estadão
» Revista Veja
» Revista Época
» Folha de São Paulo
» Revista Isto É
» Revista Carta Capital
» Prefeitura de Pirassununga
-
BALAIO DO BUYA
Jornal Virtual
-
» Contato
 
 
- Balaio do Buya
Dizimista 256

 

 
 
Edição nº 256, de 14 de setembro de 2010
 
 
O mundo mágico da Internet
 Pirassununga - SP
 
O Dizimista– Primeiro jornal virtual de Pirassununga
SINOPSES - RESUMO DOS JORNAIS
14 de setembro de 2010
O Globo
 
Manchete: Mesmo no governo, Erenice foi dona de duas empresas
Escândalo derruba assessor da Casa Civil; Lula mantém ministra ligada a Dilma

A ministra da Casa Civil, Erenice Guerra, foi sócia de duas empresas enquanto ocupava cargos no governo Lula, a partir de 2003. Ela é suspeita de tráfico de influência por causa da ação de seu filho, Israel Guerra, na intermediação de contratos com o governo. Erenice teve participação nas duas empresas, sediadas em Brasília, desde 1994, quando deixou a Eletronorte, até 14 de março de 2007, quando já era assessora de Dilma Rousseff na Casa Civil. Uma terceira empresa, de segurança e arapongagem, foi aberta em 1997 em nome de Israel Guerra e de uma "laranja”. Ontem, o escândalo derrubou um assessor de confiança de Erenice - na Casa Civil, sócio oculto do filho dela, também sob suspeita. 0 presidente Lula cobrou explicações de Erenice, mas decidiu mantê-la no cargo. A conduta da ministra, que continua negando tudo, será analisada pela Comissão de Ética Pública. (Págs. 1 e 3 a 12)

Anac ignorou problemas da MTA

A Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) ignorou um parecer técnico de seu gerente apontando problemas no processo da MTA e renovou o contrato com a companhia cargueira, ampliando o prazo de três para dez anos. Israel Guerra, filho da ministra Erenice Guerra. teria atuado como lobista da MTA. Entre os problemas estavam inexistência de documentos sobre sócios e falta de comprovação do pagamento ao INSS. O parecer da Anac recomendava a aprovação da MTA, mas alertava para alto endividamento e risco de inadimplência. (Págs. 1 e 9)

Onde os lobbies se encontram

0 escritório de advocacia Trajano e Silva, em Brasília, já foi local de trabalho do filho, da irmã e do irmão da ministra Erenice Guerra. Um dos sócios é Márcio Silva, advogado da campanha do PT à Presidência. (Págs. 1 e 11)

Lula se vangloria por prisão de aliado para quem pedia voto

0 presidente apresentou ontem a prisão de políticos do Amapá como um de seus feitos contra a corrupção. Mas omitiu que, entre os presos, estão aliados seus, como Waldez de Góes (PDT), para quem pedia votos na TV. (Págs. 1 e 13)

Documento com foto, além do título, será exigido para votar

0 eleitor, na hora de votar, terá de mostrar, além do título, um documento oficial com foto. Quem perdeu 0 titulo de eleitor precisa e comparecer aos cartórios eleitorais e solicitar a segunda via. 0 prazo vai até o dia 23 deste mês. (Págs. 1 e 15)
Foto legenda: Contusão
A candidata do PT a presidente, Dilma Rousseff, com uma bota ortopédica. Dilma sofreu uma torção ao descer da esteira onde se exercitou de manhã. (Págs. 1 e 12)
Cuba demite e se abre para a iniciativa privada
O governo de Raúl Castro demitirá 500 mil funcionários públicos nos próximos seis meses e concederá 460 mil licenças para que os cubanos trabalhem por conta própria e abram pequenas empresas. A meta é cortar 1 milhão de trabalhadores. (Págs. 1 e 30)
O Watergate de Sarkozy
0 governo Sarkozy enfrenta seu Watergate, depois que o jornal "Le Monde" acusou o governo de usar o serviço secreto para descobrir quem vazou informações sobre o escândalo L´Oréal. Outro golpe para o presidente é a biografia sobre Carla Bruni que a classifica de devoradora de homens e viciada em plásticas. (Págs. 1 e 31)
Barco vira na Bahia e mata dez crianças
Dez crianças e um adolescente morreram afogados no naufrágio de um barco sem coletes salva-vidas e com superlotação de 18 pessoas, no domingo, no lago da hidrelétrica de Sobradinho, no interior da Bahia. As vítimas eram da mesma família. (Págs. 1 e 16)
------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo
 
Manchete: Presidente 40 Eleições 2010: Lula mantém Erenice no cargo e exonera assessor
Ministra da Casa Civil diz que abrirá sigilo; seu filho é acusado de fazer lobby

O governo lançou operação para tentar impedir que as acusações de lobby envolvendo o filho da ministra da Casa Civil, Erenice Guerra, atinjam a campanha de Dilma Rousseff e contaminem o final da gestão Lula.

Vinícius Castro, servidor da Casa Civil subordinado a ministra e suspeito de envolvimento, foi exonerado.

Erenice foi braço direito de Dilma até ela deixar a Casa Civil para ser candidata.

Lula decidiu mantê-la no cargo, mas ordenou que responda as acusações
"o mais rápido possível". A ministra se declarou disposta a abrir sigilos, caso necessário.

Castro disse que repudia as acusações e que saiu para se defender. (Págs. 1 e Esp. 1)

PF acha na casa do governador do AP R$ 167 mil

A Polícia Federal achou R$ 167 mil em espécie, não declarados ao TSE, na casa do governador do Amapá, Pedro Paulo Dias (PP), candidato à reeleição. Suspeito de envolvimento em desvio de verbas, Dias deve ser solto hoje, no fim do prazo da prisão temporária. (Págs. 1 e A4)

Filho de ministra se diz ´enganado´ por consultor

Israel Guerra, filho de Erenice, afirmou ter sido "enganado" pelo consultor Fabio Baracat e se diz vítima de uma "onda de denuncismo". "É triste fazer parte de um joguete, essa coisa baixa, com documentos falsos." Ele também prometeu abrir seu sigilo. (Págs. 1 e Esp. 3)

Foto legenda: Avaria na direita: Com pé imobilizado após cair de esteira e afetar três ligamentos, Dilma Rousseff (PT) deixa reunião com comunidade judaica em São Paulo. (Págs. 1 e Esp. 5)
Cuba vai demitir 500 mil servidores estatais até março
Numa das medidas consideradas das mais importantes das últimas décadas, o governo cubano demitirá 500 mil servidores estatais (12,5% da força de trabalho do país) até março de 2011. Segundo a central oficial CTG, os demitidos vão para setores "não estatais".

Para ampliar as vagas no setor privado, o governo vai incentivar "o arrendamento, o usufruto [de terras], as cooperativas e o trabalho por conta própria". A medida é anunciada após Fidel Castro dizer em entrevista, e depois negar, que o modelo "não funcionava". (Págs. 1 e A8)
Taxa de temporários volta a crescer na rede estadual (Págs. 1, C1 e C3)
 
´Le Monde´ acusa Sarkozy de violar o sigilo de fonte
O jornal "Le Monde" acusou o governo Sarkozy de ter violado a lei sobre liberdade de imprensa ao ordenar que o serviço secreto identificasse a fonte de reportagens sobre corrupção. A Presidência refutou a acusação, mas o chefe da polícia confirmou o pedido para a investigação. (Págs. 1 e A9)
´Nova classe B´ deve consumir R$ 1 tri neste ano
Após o boom na classe C, o Brasil vive forte expansão do consumo na classe B; neste ano, esse público deve movimentar R$ 970 bilhões, 30% mais que em 2009, diz estudo de consultoria baseado em dados do IBGE. Gastos com itens "não básicos”, como viagens e veículos, cresceram. (Págs. 1 e B1)
Boa notícia: Inflação para os mais pobres cai pela terceira vez seguida (Págs. 1 e B5)
 
Editoriais
Leia "Arrogância de sempre", sobre reação do PT às denúncias envolvendo Erenice Guerra; e "Erro de cálculo", acerca de deficiências no ensino. (Págs.1 e A2)
------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo
 
Manchete: Governo demite assessor de Erenice para conter escândalo
Técnico e acusado de ter recebido propina, junto com filho da ministra, para ajudar a direcionar licitação

O Planalto demitiu Vinícius de Oliveira Castro, assessor da Casa Civil acusado de integrar esquema de lobby no governo. 0 afastamento do funcionário, técnico de baixo escalão, foi a medida de maior impacto tomada pelo Planalto para estancar a crise envolvendo a chefe dele, a ministra Erenice Guerra - que foi braço direito de Dilma Rousseff quando a candidata presidencial do PT estava no governo. 0 assessor negou a acusação de que ele e Israel Guerra, filho de Erenice, receberam propina para direcionar licitação dos Correios. 0 Planalto acionou a Comissão de Ética para analisar o caso. (Págs. 1 e Nacional A4 e A8)

Lula cobra reação rápida da ministra

0 presidente Lula cobrou reação rápida da ministra Erenice Guerra denúncia de esquema de lobby. Luta avaliava que o afastamento de Erenice poderia abastecer o arsenal da oposição contra a candidata Dilma Rousseff. Em nota, ela colocou seu sigilo bancário à disposição. (Págs. 1 e Nacional A6)
Pré-sal tem novo poço gigante
O governo estima que haja reservas potenciais de ate 8 bilhões de barris de petróleo no poço de Libra, que esta sendo perfurado pela ANP em parceria com a Petrobras na Bacia de Santos. Assim, libra pode ser, ao lado de Tupi, a maior descoberta mundial de petróleo nos últimos 20 anos. A área deve protagonizar o primeiro leilão do pré-sal com contratos de partilha. (Págs. 1 e Economia B1 e B3)
Foto legenda: Nível do Rio Negro é o menor desde 63
Leito seco do Igarapé de Educandos, na zona central de Manaus; por causa da estiagem, o Rio Negro, que banha a capital do Amazonas, atingiu seu nível mais baixo desde 1963. Sete municípios estão em estado de emergência, com 3 mil pessoas isoladas. (Págs. 1 e Vida A18)
Em MG, Anastasia abre nove pontos sobre Hélio Costa
O candidato do PSDB ao governo de Minas Gerais, Antonio Anastasia, atingiu 4% das intenções de voto e abriu nove pontos porcentuais sobre Hélio Costa (PMDB), segundo pesquisa do Ibope para o Estado e a TV Globo. No Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT) chegou a 43%, 13 pontos à frente de Joaquim Roriz (PSC). (Págs. 1 e Nacional A9)

Debate Estadão/TV Gazeta

A vez das ideias para o Senado

Marta Suplicy (PT), Netinho de Paula (PCdoB), Aloysio Nunes (PSDB) e Ciro Moura (PTC), os primeiros na pesquisa Ibope/Estado/TV Globo, debatem às 23h. (Págs. 1 e Nacional A12)
Em Cuba, 500 mil funcionários serão demitidos
Cuba anunciou que vai demitir 500 mil servidores, para tornar “mais eficiente o processo produtivo", o ex-presidente Fidel Castro havia dito que o modelo cubano "não funciona mais". (Págs. 1 e Internacional A15)
Israel quer retomar construções em 3 áreas da Cisjordânia
Israel vai propor, em novo encontro com palestinos, a permissão para construir nos três principais assentamentos na Cisjordânia, que devem ser anexados ao país. Os palestinos exigem congelamento total.(Págs. 1 e Internacional A13)
Celso Ming: Couraça para os bancos
Os BCs chegaram a um acordo sobre o aumento das exigências de capital dos bancos. 0 objetivo e tentar matar as crises ainda no ovo.(Págs. 1 e Economia B2)
Dora Kramer: Aparência, nada mais
O governo acionou a Comissão de Ética Pública no caso Erenice Guerra. Significa que o governo pretende dar o assunto por enterrado. (Págs. 1 e Nacional A6)
Notas & Informações
Republiquetização do País

Boa parte de todo malfeito e da corrupção que eclode no governo federal tem o dedo do Planalto. (Págs. 1 e A3)
------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Brasil
 
Manchete: Policial nega versão da Globo no caso Tim Lopes
Em livro, ele descarta prostituição infantil

Afastado da investigação da morte do jornalista Tim Lopes em 2002, após uma reportagem do Jornal Nacional que contestava seu relatório sobre o assassinato do repórter da Rede Globo no Complexo do Alemão, o inspetor da Polícia Civil Daniel Gomes afirma ter descoberto que Tim não investigava prostituição infantil em bailes funk, como divulgou a emissora. Segundo ele, moradores e comerciantes afirmam que o repórter chegava à favela à tarde, para registrar a ação do tráfico e seus armamentos. O policial também critica a demora de 11 horas para que a polícia fosse avisada do desaparecimento de Tim. (Págs. 1 e Rio, 6)
foto Legenda: A difícil vida no andar de baixo
Com poucos recursos para fazer campanha, partidos pequenos e um tempo ainda menor no rádio e na TV, os candidatos da ponta de baixo das pesquisas de intenção de voto, como Plínio Sampaio (PSOL), aproveitam a corrida presidencial para semear melhores dias. (Págs. 1 e País, 2)
Paz no Oriente Médio fica mais distante
A decisão do primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, de manter a instalação de novas colônias em terras de maioria palestina ameaça a segunda rodada de negociações de paz, que começa hoje no Egito. (Págs. 1 e Internacional, 13)
Réveillon 2011 será todo da iniciativa privada
Com investimento de R$ 17,5 milhões feito integralmente por empresas privadas, foi apresentado ontem o esquema para a festa do Reveillon 2011. Serão 20 toneladas de fogos, que queimarão por 20 minutos em Copacabana. (Págs. 1 e Rio, 7)
Matéria-prima vira bênção em tempos de crise global
A grande oferta de commodities agrícolas e minerais brasileiras no mercado internacional é alvo de críticos, que reclamam ser o Brasil muito dependente da exportação de produtos de baixo valor agregado. Entretanto, um estudo do Banco Mundial (Bird) divulgado ontem destaca que a venda de matérias-primas para o exterior deixou de ser uma “maldição” para transformar-se numa “bênção” em tempos de crise econômica. (Págs. 1 e Economia, 12)
------------------------------------------------------------------------------------
Correio Braziliense
 
Manchete: Brasília já é 3ª em consumo no país
Até o fim de 2010, os brasilienses vão gastar R$ 47,9 bilhões em compras e no financiamento da casa própria. Esse volume de recursos deixará a cidade atrás apenas de São Paulo e do Rio de Janeiro no ranking nacional, ultrapassando em R$ 9 bilhões Belo Horizonte, que agora figura como a quarta economia entre as regiões metropolitanas do Brasil. Segundo analistas, o crescimento do consumo no DF é fora do comum e vai atrair investidores de peso para a cidade. (Págs. 1 e 36)
Campanha agitada antes do debate de hoje
A 19 dias do 1º turno das eleições de 3 de outubro, os quatro candidatos de partidos com representação na Câmara dos Deputados vão discutir suas propostas para o DF no debate promovido pelos Diários Associados, às 22h, com transmissão pela TV Brasília, pelos sites do Correio e do Correioweb, e via Twitter (@debatecorreio). Ontem, Joaquim Roriz se reuniu em casa com políticos, enquanto Agnelo Queiroz almoçou com servidores do Detran. Eduardo Brandão visitou o Itapoã e Toninho do PSol deu entrevista a uma rádio. (Págs. 1, 25 e 27)

Foto legenda: Joaquim Roriz (PSC); Agnelo Queiroz (PT); Eduardo Brandão (PV) e Toninho do Psol (Psol). (Pág. 1)
Sob suspeita, assessor da Casa Civil se demite (Págs. 1, 2 e 3)
Lula quer “extirpar” o DEM. (Págs. 1 e 4)
Vigilância fiscaliza clínicas de lipo
Centros de cirurgias plásticas do DF se esforçam para atender exigências de melhoria feitas pela Vigilância Sanitária e pelo Ministério Público. Dos 30 existentes, 27 já foram vistoriados. Maria Gorete, que fez lipoescultura recentemente, apoia um maior controle sobre as cirurgias. (Págs. 1 e 29)
Riacho Fundo: Grileiro vendia lote a R$ 40 mil
Os terrenos irregulares de 200 metros quadrados foram negociados no Setor de Chácaras Sucupira e na Colônia Agrícola Riacho Fundo I, em áreas públicas. Oito casas já foram construídas e outras cinco estavam bem adiantadas. Os moradores entraram na Justiça para evitar a derrubada. (Págs. 1 e 28)
Flagelo da seca atinge a Amazônia
A falta de chuvas reduziu os níveis fluviais na região a índices iguais aos da década de 1960, quando houve uma das piores estiagens. Muitas cidades estão isoladas. (Págs. 1 e 8)
Cuba demite servidor e reduz salário
Pelo menos 500 mil funcionários públicos serão dispensados até 2011 pelo regime socialista de Havana. A medida visa reduzir os gastos e estimular o empreendedorismo. (Págs. 1 e 21)
------------------------------------------------------------------------------------
Valor Econômico
 
Manchete: CVM privilegia multas para punir infratores
A multa tem sido o instrumento mais usado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para combater infrações e ilícitos praticados no mercado de capitais brasileiro.

Dados levantados pela autarquia federal a pedido do Valor mostram que nos oito primeiros meses deste ano foram abertos 50 processos administrativos sancionadores, julgados 31 e arquivados 21, dos quais 17 após acordos para encerramento, os chamadas "termos de compromisso". 0 resultada dos julgamentos foi a aplicação de 64 multas, oito advertências, duas suspensões, quatro inabilitações e uma proibição de atuação.

Há quase três anos ninguém é cassado pela CVM e houve apenas um caso, neste ano, em que os julgadas foram proibidos de exercer atividades como administradores de companhia aberta ou intermediárias (corretoras, distribuidoras, gestores de fundos de investimentos). (Págs. 1 e D2)
Basiléia 3 não afeta crédito no país
As novas exigências de capital contidas no Acordo de Basiléia 3 terão impacto praticamente “neutro" sobre a oferta de crédito no Brasil, avalia o governo. Com a retenção de lucros e respeito às regras de distribuição de dividendos e bonificações será possível aos bancos brasileiros cumprir as novas exigências sem ter de ir ao mercado buscar recursos.

As regras de requerimento de capital do Banco Central do Brasil já eram mais duras do que as de Basiléia -l1%. A média do sistema é ainda maior: 17%. Agora, com todos os colchões de segurança criados pelo acordo, exige-se 13%.

A estimativa dos BCs que se reuniram em Basiléia é que os bancos vão necessitar de algo entre € 300 bilhões e € 500 bilhões em capital adicional para se enquadrar. A obrigação de os bancos preservarem mais capital de alta qualidade pega as instituições nos Estados Unidos e da Europa em meio à ameaça de maior deterioração na qualidade de seus ativos, no rastro do baixo crescimento econômico e das altas taxas de desemprego em seus mercados. (Págs. 1 e C1 a C3)
Duas visões da política em Sergipe
A eleição de outubro em Sergipe, um Estado que se industrializa rapidamente graças aos investimentos da Petrobras, é uma disputa entre duas visões diferentes de como fazer política. Marcelo Déda, do PT, o primeiro governador de esquerda do Estado, e o favorito nas pesquisas, com 48% contra 32,7% de João Alves (DEM), ex-senador, ex-ministro e ex-governador. Outros dois personagens deste enredo são favoritos para as duas vagas ao Senado: Albano Franco (PSDB) e Antonio Carlos Valadares (PSB). A campanha traz também a marca da violência, com o atentado em 18 de agosto contra o presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe, Sérgio Luiz Mendonça.(Págs. 1 e A16)
Ericsson brasileira vai produzir para a AL
A Ericsson resolveu ir contra a tendência de terceirizar parte da produção, comum entre fabricantes de equipamentos das áreas eletroeletrônica e de telecomunicações, e vai produzir quase tudo o que vende na fábrica de São José dos Campos. A empresa pretende dobrar a produção.

Em abril, a matriz na Suécia dividiu o comando da companhia. 0 Brasil passou a ser a sede da unidade latino-americana. A fábrica de São José tomou-se o centro de produção para o Brasil e nove países vizinhos, diz Sergio Quiroga, presidente da companhia para a América Latina. (Págs. 1 e B1)
Táxi preto, um ícone sob ameaça em Londres
Tão famosos quanto o Big Ben, os táxis pretos de Londres estão ameaçados de extinção, a exemplo do que ocorreu com outros ícones londrinos como as cabines telefônicas vermelhas e os ônibus de dois andares. Novas tecnologias ameaçam tanto os veículos arredondados, cujo desenho não muda desde 1958, quanto seus motoristas, que conhecem todos os becos da maior cidade da Europa.

Após a falência da Metrocab, em 2006, só a London Taxis International passoi a fabricar um veículo que atende as rígidas condições de circulação de Londres: o diâmetro de giro do carro, por exemplo, tem de ser de 7,5 metros, que permite ao táxi fazer o balão em ruas estreitas, construídas na época das, carruagens. Em 2008 um novo concorrente foi aprovado pela Agência de Veículos Públicos, baseado na perua Mercedes Benz Vito. A aprovação foi polêmica, mas o Vito agradou a motoristas e passageiros e já conquistou 24% das vendas de táxis novos em Londres. Seu fabricante espera vender 1.000 veículos até o fim do ano.

“0 táxi preto, embora seja um ícone que muitos turistas gostariam de conhecer, não se adaptou as mudanças. Seu lugar é no museu", diz John Griffin, presidente da empresa de táxis particulares Addison Lee. (Págs. 1 e B5)
Produtividade dá folga às indústrias para conceder aumentos reais de salários (Págs. 1 e A3)
 
Operadoras e grandes empresas investem em marketing no celular (Págs. 1 e B2)
 
Corrida pela inovação
Estudo do BID mostra que o Brasil tem o melhor desempenho em inovação, pesquisa e desenvolvimento da América Latina, mas ainda é muito baixo de outros países como China, Índia e Coréia do Sul. (Págs. 1 e A4)
Futuro incerto para Jatos pequenos
Em praticamente todo o mundo, principalmente nos EUA, os dispendiosos jatos regionais de 50 lugares estão sendo deixados de lado. No Brasil, a Passaredo resiste e defende o modelo. (Págs. 1 e B3)
Shopping em Londrina
A Sonae Sierra Brasil anunciou o início das obras do shopping Boulevard, em Londrina (PR) orçado em R$ 212 milhões. O empreendimento, previsto para 2012, ficou "congelado´ por um ano em razão da crise. (Págs. 1 e B3)
China deixa bugigangas para trás
Um comitê comercial da União Europeia votará hoje a imposição de tarifa antidumping contra rodas de alumínio para automóveis importadas da China, o que evidencia a sofisticação da concorrência chinesa. (Págs. 1 e B4)
Aspen verde-amarela
No último inverno no Hemisfério Norte, cerca de 15 mil brasileiros visitaram Aspen (EUA), deslocando os australianos da liderança, e se tornaram alvo prioritário para a temporada 2010/11. Além disso, estima-se que gastaram cerca de 15% mais com hospedagem e refeições. (Pág. 1)
Porto para o Comperj
Nos próximos dias, a Petrobras e a Prefeitura de São Gonçalo assinam contrato para construção de um porto que vai receber os equipamentos destinados ao Complexo Petroquímico do Rio (Comperj). (Págs. 1 e B10)
Retração no confinamento
Em um ano de oferta já escassa de bois para abate, o confinamento de gado deve recuar cerca de 30% em todo o país, para 1,3 milhão de cabeças. (Págs. 1 e B14)
Oferta não empolga bancos
A oferta de ações da Petrobras não animou os grandes bancos. Ontem, início das reservas, muitos não tinham montado fundos para oferecer ao varejo e mesmo nos sites era difícil encontrar menção à operação. (Págs. 1 e D2)
Terrenos de marinha
Decisão do Superior Tribunal de Justiça estabelece que processo administrativo instaurado pela União é suficiente para a demarcação e retomada de terrenos de marinha ocupados irregularmente. (Págs. 1 e E1)
Ideias
Antonio Delfim Netto

Esporte de economistas bem formados agora é criticar o que “supõem" ser a política fiscal e cambial de candidatos ao Planalto. (Págs. 1 e A2)
Ideias
Dani Rodrik

O que países pobres obtém do mercantilismo chinês é, na melhor das hipóteses, um crescimento temporário do tipo errado. (Págs. 1 e Al5)
------------------------------------------------------------------------------------
Estado de Minas
 
Manchete: BH importa do Japão técnica para garantir segurança na Copa
Método que japoneses empregaram com sucesso no Mundial de 2002 será usado pela Polícia Militar na capital mineira para aumentar sensação de segurança, prevenir crimes e até se antecipar a ataques terroristas. Até o fim deste ano, serão incorporados mais 5,2 mil PMs à tropa, totalizando 51,6 mil no estado. Os bombeiros também serão treinados para combate a atentados, além de acidentes e incêndios. (Págs. 1 e 21)

Foto legenda: Inspetor da polícia japonesa Masato Sono deu palestra para 500 alunos do curso de sargentos
Eleições 2010: Anastasia acusa PT de desprezar a boa gestão
Em sabatina com estudantes promovida pelo Estado de Minas, revista Ragga e Ragga Drops, candidato do PSDB ao governo de Minas afirma que petistas não se preocupam com a boa gestão pública e justificam dizendo que “é algo neoliberal”. O tucano prometeu aumentar investimento no interior e descentralizar o atendimento de saúde com a construção de mais hospitais regionais. (Págs. 1, 10 e 11)

Patrus faz apelo a militantes

Candidato a vice na chapa PMDB-PT participa de bandeiraço em BH e cobra mais empenho de petistas na campanha de Hélio Costa. (Págs. 1 e 7)

Cai assessor da Casa Civil

Lula mantém a ministra Erenice Guerra, mas funcionário dela é a 1ª vítima da denúncia de tráfico de influência no governo. (Págs. 1 e 3)
Mercado de trabalho: Comércio já contrata apostando no Natal
Pesquisa mostra que devem ser chamados 139 mil trabalhadores no país, maior número da história, e a perspectiva é de que 39 mil sejam efetivados. A recepcionista Sheila Lima de Oliveira (foto) está de olho em uma vaga. (Págs. 1 e 14)
Petrobras: Aplicação é mais segura a longo prazo
O conselho é unanimidade entre os analistas. As reservas para compra de ações da petrolífera começaram ontem. (Págs. 1 e 13)
Crise socialista: Cuba demitirá meio milhão de servidores
Governo anuncia corte de 20% no número de funcionários públicos até 2011 e aumento das permissões para abrir empresas. (Págs. 1 e 19)
------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio
 
Manchete: Calote bate recorde
Inadimplência avançou 11,5% em agosto em relação ao mesmo mês em 2009. Foi o maior crescimento desde 2005. Número foi resultado da empolgação consumista provocada pela Copa, especialmente no segmento de TV´s de alta definição. (Pág. 1)
Homem confessa que estuprou 12 mulheres (Pág. 1)
 
Parentes da ministra da Casa Civil serão investigados pela PF (Pág. 1)
 
Naufrágio de canoa mata 11 no lago de Sobradinho (Pág. 1)




------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora
 
Manchete: Yeda reduz o poder da Casa Militar após caso de espionagem
Depois de o Piratini anunciar que pelo menos 40 dos 120 PMs serão afastados, tenente-coronel que chefiava o órgão pede aposentadoria. (Págs. 1, 6 e Rosane de Oliveira, 10)
Foto legenda: Sobreviventes do desastre
Pelo menos 33 pessoas escaparam com vida de um avião com 51 a bordo que caiu em Puerto Ordaz, na Venezuela. (Págs. 1 e 28)
Disputa ao Senado: Na mesa com Germano Rigotto
Na série, Fernanda Zaffari enfoca hoje candidato do PMDB. (Págs. 1, 16 e 17)
Eleição presidencial: PTB gaúcho vai aderir a Dilma
Articulação de líderes no Estado vai na contramão da executiva nacional. (Págs. 1 e 12)
------------------------------------------------------------------------------------
 
 
 
Repasse. Se nos anos de 1940 existisse internet, Hitler não teria assassinado milhões de judeus.
Buya neles!!!
 
 
- Buya




Buya ©.Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta
página em qualquer meio de comunicação.