- Links
» Página Inicial
» Estadão
» Revista Veja
» Revista Época
» Folha de São Paulo
» Revista Isto É
» Revista Carta Capital
» Prefeitura de Pirassununga
-
BALAIO DO BUYA
Jornal Virtual
-
» Contato
 
 
- Balaio do Buya
Dizimista 282

 

 
 
Edição nº 282, de 15 de outubro  de 2010
 
O mundo mágico da Internet
Pirassununga,SP
O site que está bombando na rede
O Dizimista– Primeiro jornal virtual de Pirassununga
A palavra que você não ouve, a notícia que você não lê, a realidade que você não enxerga.
 
15 de outubro de 2010
O Globo
 
Manchete: Polícia ocupa última favela da Tijuca para criar 13ª UPP
Ação protege área de estádios e cria cinturão de segurança no bairro

A três dias de completar um ano do ataque de traficantes, que derrubou um helicóptero da PM e causou a morte de três policiais a partir de disparos feitos do Morro dos Macacos, policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) ocuparam ontem a favela em Vila Isabel, dando início a primeira etapa da implantação da 13ª Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Rio. Ao todo, 110 homens do Bope, 40 do Batalhão de Choque e 25 dos batalhões da Tijuca (6º) e do Méier (3º) estão na favela e em dois morros vizinhos. Os bandidos teriam deixado a região na noite anterior. Essa ocupação policial é estratégica para a segurança da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016, por causa da proximidade do Maracanã e do Engenhão, e vai fechar o cinturão de segurança na Grande Tijuca. A nova unidade vai beneficiar diretamente 12 mil moradores do morro e 27 mil do entorno. (Págs. 1, 19 e 20)

Foto legenda: Policiais do Bope contemplam a vista do alto do Morro dos Macacos, onde não houve resistência dos traficantes que...

Foto legenda: ... há 1 ano derrubaram um helicóptero da PM.
Eleições 2010: O novo resgate dos mineiros
Em ato com Serra, Aécio reúne prefeitos contra ´Dilmasia´

A força do ex-governador e senador eleito Aécio Neves reuniu 450 prefeitos e líderes municipais em apoio a José Serra - muitos adeptos, no primeiro turno, do "Dilmasia”. Serra se disse "o mais paulista dos mineiros e o mais mineiro dos paulistas". Para contrabalançar o efeito Aécio, a coordenação da campanha de Dilma fez reunião ontem também em Minas. (Págs. 1 e 3)

Foto legenda: Anastasia, Índio, Aécio, Serra e Itamar: “O mais paulista dos mineiros, o mais mineiro dos paulistas” (pág. 1)

Foto legenda: Padilha exibe adesivo de Dilma, ao lado de Patrus, Pimentel e Dutra.
Eleições 2010: Comunidade gay aponta retrocesso
Para militantes, discurso vago de candidatos estimula homofobia e deturpa reivindicações

Líderes do movimento de gays e lésbicas se queixam da atitude dos candidatos José Serra e Dilma Rousseff e da falta de propostas deles para reivindicações dos homossexuais. Na avaliação dos militantes, a pressão dos setores conservadores deturpa a luta por direitos e estimula a homofobia. A principal reclamação é a confusão entre união civil de homossexual - bandeira do movimento - e casamento gay - que as igrejas não aceitam, mas que o movimento não reivindica. "Estão firmando acordos com os conservadores, achando que, no segundo turno, é melhor o voto religioso e conservador que o voto progressista", diz André Fischer, do Mix Brasil, maior portal GLS do país. (Págs. 1 e 15)

Entre evangélicos, Serra dobrou intenções de voto (Págs. 1 e 9)

Luiz Garcia
0 2º turno é uma caixinha de surpresas - a única que deveria existir... (Págs. 1 e 7)
Heróis do Chile relatam desespero
Após 70 dias, os mineiros chilenos passaram a 1ª noite numa cama de verdade, e relataram momentos de desespero na mina e tentativas frustradas de fuga. 0 grupo se recupera bem e três tiveram alta.(Págs. 1 e 35 a 37)

Reservatórios têm pior nível desde 2006
Com a seca que afeta o país, o nível dos reservatórios das hidrelétricas de Sudeste e Centro-Oeste caiu para 47,2%, o mais baixo desde 2006 para um mês de outubro. No Nordeste, passou a 43,5%, abaixo do patamar seguro. (Págs. 1 e 32)
Os dois lados da moeda
Calculado pela "Economist", o índice Big Mac mostra as moedas brasileira e chinesa em extremos opostos: o real esta sobrevalorizado em 42%, e o yuan, subvalorizado em 40%. Com o preço do Big Mac aqui (US$ 5,26) daria para comprar dois sanduíches na China (US$ 2,18). (Págs. 1 e 30)
------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo
 
Manchete: Comitê de Dilma vai ampliar uso de Lula na campanha
Exposição do presidente havia sido reduzida para evitar que candidata ficasse em 2° plano; objetivo é frear perda de votos

A campanha de Dilma Rousseff (PT) voltará a recorrer à popularidade do presidente Lula, na TV e em eventos de rua, para tentar estancar a queda verificada nas pesquisas, o programa da petista vinha diminuindo a exposição de Lula, para não ofuscar a candidata.

A coordenação da campanha também decidiu priorizar Minas e São Paulo, para evitar que Dilma perca votos nos maiores colégios eleitorais do país, onde o PSDB venceu os pleitos regionais. Em Minas, a desarticulação dos aliados do governo é vista com preocupação.

Outra mudança foi contratar o Ibope para fazer pesquisas no Sudeste - o Vox Populi vinha sendo o instituto oficial da campanha. A ideia é evitar que alterações relevantes passem despercebidas, como no primeiro turno, e definir estratégias focadas na região. (Págs. 1 e A4)

Foto legenda: Batendo cabeça. Serra põe gelo na testa após pancada em elevador com desnível; aecistas prometem dar ´sangue´ no 2º turno, mas não garantem vitória em MG. (Págs. 1 e A12)
Tucanos assediam políticos aliados ao governo federal (Págs. 1 e A13)
 
Gestão ruim diminui a capacidade de aeroporto
O tempo mínimo de conexão é de uma hora em Congonhas; em Midway (Chicago), de 25 minutos, diz estudo da Associação Internacional de Transporte Aéreo.

Em Guarulhos, vai de 90 a 120 minutos; em Gatwick (Londres), são 45. A Infraero responsabiliza empresas. A ineficiência custa por ano até R$ 3 bilhões. (Págs. 1 e B1)
Mina de ouro
As histórias dos 33 mineiros que ficaram presos na mina San José por 70 dias são disputadas na base de gordos cachês por TVs de todo o mundo, relata a enviada Laura Capriglione. Os mineiros discutem como se organizar para a exploração da marca "33". (Págs. 1 e Mundo, 2)
Para reduzir filas, PF estende horário de agendamento de passaportes (Págs. 1 e C5)
 
Jornais argentinos alertam sobre risco de falta de papel (Págs. 1 e Mundo, 4)
 
Fernando de Barros e Silva
Há 25 anos, havia menos cinismo ao usar nome de Deus (Págs. 1 e A2)
Editoriais
Leia "As lições da mina", sobre o resgate de mineiros no Chile; e
"Acupuntura", acerca da contratação desse tipo de serviço pelo governo federal. (Págs. 1 e A2)
------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo
 
Manchete: PT vê disputa ´problemática´ e busca votos no Sudeste
Campanha de Dilma esperava vantagem maior no 2° turno e concentra esforços em São Paulo e Minas

O presidente Lula, os ministros mais próximos e o comando da campanha presidencial de Dilma Rousseff (PT) avaliaram que "a situação é problemática" para a candidatura petista, informam as repórteres Tânia Monteiro e Vera Rosa. A recomendação unânime foi para que Dilma concentre a campanha nas regiões Sul e Sudeste, porque a disputa no Nordeste já estaria ganha. Os estados que serão alvo prioritário do esforço são Minas, São Paulo e Paraná. 0 ideal, segundo assessores do presidente e da candidata, era que Dilma começasse o segundo turno com pelo menos 10 pontos porcentuais de vantagem sobre Serra - no primeiro turno, a votação terminou com 4 pontos de dianteira para Dilma. Mas pesquisa do Ibope divulgada anteontem mostrou que a petista está apenas seis pontos à frente. Há duvida na campanha se Lula deve aparecer mais na reta final. (Págs. 1 e Nacional A4)
Líder relata momentos de tensão nos 70 dias em mina
Último a ser resgatado da mina no Chile, Luis Urzua, líder dos trabalhadores, contou ao presidente Sebastián Piñera detalhes sobre a rotina dos 33 trabalhadores debaixo da terra, informa a enviada especial Patrícia Campos Mello. Ele disse que houve tentativas de sair da mina: "Muitas pessoas tentaram fazer coisas que certamente não eram as melhores, mas por sorte conseguimos manter o juízo e graças a Deus ninguém se acidentou." (Págs. 1 e Internacional A23)

Evento foi um dos mais vistos da história

Estima-se que até 1 bilhão de pessoas tenham acompanhado a transmissão do drama dos mineiros, o que torna esse evento um dos maiores da história da televisão. (Págs. 1 e Internacional A24)
Em Minas, Serra tenta reverter desvantagem
O presidenciável José Serra (PSDB) indicou ontem que aposta numa virada em Minas para vencer a eleição. 0 senador eleito Aécio Neves reuniu 398 dos 853 prefeitos do Estado para fazer campanha. (Págs. 1 e Nacional A14)
Lula critica a oposição e se compara a Jesus
Em tom de desabafo, o presidente Lula tornou a criticar seus adversários: “Diziam que eu era comunista, porque tinha barba comprida. Mas Jesus também tinha. Tiradentes também tinha". (Págs. 1 e Nacional A12)
Alimentação da mãe influencia qualidade do leite
Pesquisa da Universidade Federal do Amazonas aponta que a alimentação da mulher durante o período da amamentação pode influenciar na qualidade do leite materno, principalmente no teor de vitaminas. (Págs. 1 e Vida A28)
Superávit com Brasil é o maior dos EUA
O Brasil é hoje a parceiro que garante o maior superávit comercial dos EUA. 0 saldo a favor dos americanos no ano chega a US$ 7,2 bilhões, mais que o dobro verificado no mesmo período de 2009. (Págs. 1 e Economia B1)
Brasileiro paga a tarifa mais cara pelo uso do celular
Estudo da ONU mostra que o custo absoluto do celular no Brasil, apesar de estar em queda, é quase três vezes superior à média dos emergentes, o que torna o país alvo de questionamento nas entidades internacionais. (Págs. 1 e Economia B5)

Compra da Vivo pela Telefônica terá restrições (Págs. 1 e Economia B13)
MTA pede aval para levar seus aviões a Miami (Págs. 1 e Nacional A13)
 
Washington Novaes: Não é só o aborto
A sociedade brasileira, em sua maioria, está desejosa de saber o que os candidatos à Presidência propõem para essa e muitas outras questões. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)

Dora Kramer: À tripa-forra
O PT se vê obrigado a improvisar diante da necessidade de consertar excessos e a “economizar” seu principal trunfo: o presidente Lula. (Págs. 1 e Nacional A8)
Notas & Informações
A caça ao voto religioso

O mais revelador da pesquisa Ibope é a confirmação de que o voto religioso levou ao segundo turno. (Págs. 1 e A3)
------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Brasil
 
Manchete: Ex-agente acusa antigos torturadores
Em filme, ele relata os métodos da ditadura

Marival Chaves, ex-agente do DOI-Codi, órgão de repressão do regime militar (1964-1985), deu nomes de torturadores e detalhou assassinatos como o do operário Manuel Fiel Filho, em 1976. A acusação está no filme Perdão, mister Fiel, de Jorge Oliveira, exibido domingo em São Paulo (veja trecho clicando na foto da página 2). O ex-agente revela ainda que se usava injeção de matar cavalos em militantes políticos. O secretário de Direitos Humanos, Paulo Vannuchi, disse que cabe ao Judiciário analisar o caso. (Págs. 1 e País, 2 e 3)
Chile motiva o setor de segurança no trabalho (Págs. 1 e Economia, 12)
 
Israel quer que imigrante jure lealdade (Págs. 1 e Internacional, 14)
 
Tucanos vão em cima dos peemedebistas (Págs. 1 e Informe JB, 5)
 
Foto legenda: UPP cai no samba
Morro dos Macacos – A favela de Vila Isabel, bairro de Noel Rosa, foi ocupada ontem, e a Mangueira será a próxima comunidade da lista. (Págs. 1 e Rio, 7)
------------------------------------------------------------------------------------
Correio Braziliense
 
Manchete: Lula vai ao ataque
Presidente defende Dilma; FHC a chama de “duas caras”

Diante do cenário desfavorável a Dilma Rousseff no segundo turno, Lula assumiu a linha de frente em defesa da pupila. Em evento oficial no Piauí, o presidente disse que foi vítima de calúnias em campanhas anteriores. “A quantidade de vezes que tive de responder sobre aborto é enorme. Diziam que eu ia fechar igreja evangélica, fazer isso ou aquilo, que não ia cuidar dos pobres”, lembrou. A intervenção de Lula busca conter a sangria de votos da candidata e superar as divergências na organização da campanha. A reação dos adversários veio horas depois. O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que em setembro havia admitido a vitória de Dilma Rousseff no primeiro turno, subiu ao ringue novamente. Chamou a ex-ministra de “duas caras” e disse que os petistas “caíram da cadeira” com o resultado das urnas. (Págs. 1, 2 e 4)

Aliança à mineira

Com os senadores eleitos Aécio Neves e Itamar Franco, Serra promete ajuda aos municípios mineiros em visita ao estado após o primeiro turno. Campanha do tucano usa telemarketing para acusar Dilma Rousseff de ser favorável ao aborto. (Págs. 1, 4 e 5)

Solidários à petista

Bispos, padres, pastores, monges e teólogos condenam em manifesto a tentativa de “demonizar” a candidata, especialmente na internet. Cúpula do PP renovou o apoio à petista na disputa para a Presidência da República. (Págs. 1 e 3)
Weslian foge de debate na TV
Ausência da candidata do PSC torna o programa uma entrevista com Agnelo Queiroz, do PT. (Págs. 1 e 26)
Turismo: Dólar em baixa provoca fila para viajar
A desvalorização da moeda norte-americana leva os brasilienses a formar filas em casas de câmbio e agências turísticas à procura de pacotes internacionais. “Outubro é um período bom de vendas, mas este está surpreendendo”, afirma Artur Schutte, diretor de empresa especializada em transações cambiais. (Págs. 1, 14 e 35)
O dia seguinte: Presidente do Chile exagera na euforia pós-resgate
Durante visita aos 33 mineiros, Sebastián Piñera desafia resgatados para uma partida de futebol e brinca: “Quem perder voltará para a mina”. Os sobreviventes surpreenderam os médicos ao demonstrar boas condições físicas e psicológicas. Álvaro Villaroel, irmão de um dos trabalhadores, contou ao Correio que Richard deve ter alta amanhã.
“Ele está bem: animado e gordinho”, revelou. (Págs. 1, 18 e 21)
Parque da Cidade está refém da violência (Págs. 1 e 31)
 
Falhas na saúde do DF elevam risco de bactéria (Págs. 1 e 33)
 
Recall de carros da Citroën e da Honda (Págs. 1 e 13)
 
------------------------------------------------------------------------------------
Valor Econômico
 
Manchete: ´Novas´ estatais já têm R$ 24 bi
O governo federal colocou nas mãos de quatro estatais o futuro de alguns de seus projetos mais ambiciosos na área de infraestrutura. Com investimentos de R$ 24 bilhões em capitalização, reestruturação e criação de estatais nos próximos dois anos, o governo quer garantir a continuidade das obras e das metas do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Duas dessas estatais ainda não saíram do papel mas já estão com seus planos de estruturação concluídos. Para operar as obras de transposição do rio São Francisco, projeto estimado em R$ 6,6 bilhões, será criada a "Agnes", sigla para Água de Integração do Nordeste Setentrional. O nome ainda é provisório, mas o estatuto da empresa, vinculada ao Ministério da Integração, está pronto e deve ser encaminhado nos próximos dias ao presidente Lula e, depois ao COngresso. A situação é parecida com a da Empresa de Transporte Ferroviário de Alta Velocidade (Etav), desenhada para liderar a construção do trem-bala, entre cidades de Campinas (SP), São Paulo e Rio de Janeiro. Embora o projeto ainda seja alvo de críticas quanto à sua viabilidade econômica, o governo já alocou R$ 440 milhões na proposta orçamentária de 2011. (Págs. 1 e A16)
Foto legenda: Carga pesada
Trabalhadores descarregam prensa de grande porte em Santos, um exemplo do aumento da movimentação de cargas superdimensionadas nos portos do país. Por causa das obras de infraestrutura, o Brasil atraiu armadores especializados nesse segmento de mercado. (Págs. 1 e B1)
BC prevê ´mais do mesmo´ no câmbio
O Banco Central (BC) não julga necessário adotar medidas adicionais para tentar segurar a valorização do real. O BC avalia que as primeiras duas linhas de defesa à forte entrada de dólar são de caráter prudencial. No plano macroeconômico, o banco seguirá comprando reservas, que chegaram a US$ 280 bilhões na quarta-feira, e esterilizando os reais jogados na economia. (Págs. 1 e C1)
HSBC fecha parceria com BrasilBrokers
O HSBC vai oferecer crédito para os compradores de imóveis das 22 empresas que compõem a BrasilBrokers. A expectativa é que a parceria, fechada em um contrato de cinco anos, renovável por igual período, traga negócios de R$ 10 bilhões para a subsidiária do banco inglês no país, que vai fechar o ano com uma carteira de R$ 1,5 bilhão. Desde que a Lopes se aproximou do Itaú, a BrasilBrokers buscava caminho semelhante. Já o HSBC encontrou um atalho para crescer no crédito imobiliário, onde tem pequena participação relativa. (Págs. 1 e C3)
Margens aumentam nesta safra
A quebra da safra no norte da Europa, causada pela seca, custos menores e subsídios do governo devem garantir ao produtor rural margens bastante satisfatórias na safra 2010/2011. Com isso, espera-se que cresçam os investimentos no setor rural e se reduza o endividamento. "Os preços estão bons e vamos ter margens boas. Mas os passivos ainda pesam", diz o diretor da Federação Brasileira de Bancos, Ademiro Vian. Hoje, os produtores estão em uma posição mais confortável, podendo até sofrer eventuais perdas moderadas, diz o economista Fernando Pimentel, da AgroSecurity. (Págs. 1 e B12)
Planalto vê erros na campanha de Dilma
O Planalto avalia que a campanha da candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, está cometendo vários erros e pondo em risco uma vitória que, há duas semanas, era dada como certa. A diminuição da participação do presidente Lula no horário eleitoral gratuito e a "aceitação do tema religioso" são duas das críticas que a cúpula do governo faz à campanha. Há uma irritação crescente com o trabalho do marqueteiro João Santana. (Págs. 1 e B6)

Aumenta disputa no mercado brasileiro de discos rígidos (Págs. 1 e B2)
 
Investimento direto recua
Relatório da Agência das Nações UNidas para o Comércio e o Desenvolvimento (Unctad) mostra retração dos investimentos externos diretos (IED). "Guerra cambial" deve piorar o cenário. (Págs. 1 e A13)
Mais aviões
O crescimento do mercado aéreo brasileiro, que registra expansão há 16 meses consecutivos, e as boas perspectivas para o setor nos próximos anos levam as compainhas aéreas a reforçar os planos de expansão da frota. (Págs. 1 e B4)
BTG entra na STR, de petróleo
O banco de investimentos BTG Pactual, controlado por André Esteves, comprou uma participação de 9% na holding do grupo STR, do setor de óleo e gás. (Págs. 1 e B7)
J. Malucelli eleva aposta em eólicas
O braço de energia do grupo paranaense J. Malucelli prepara a instalação de um quinto parque de geração de energia eólica no Rio Grande do Sul. (Págs. 1 e B8)
Algodão tem preço recorde em NY
A demanda chinesa aquecida fez os preços futuros de algodão alcançarem o valor mais alto desde que a commodity começou a ser negociada na Bolsa de Nova York, há 140 anos. (Págs. 1 e B12)
Juros em 2011 dividem o mercado
Analistas esperam manutenção da Selic em 10,75% até dezembro, mas para 2011 as opiniões se dividem. Entre 30 analistas ouvidos pelo Valor, 15 esperam elevação da taxa em até 2,25 pontos percentuais. (Págs. 1 e C8)
Nas mãos dos minoritários
Comissão de Valores Mobiliários (CVM) decide que aquisições que envolvam empresas com controlador comum serão decididas exclusivamente pelos acionistas minoritários. (Págs. 1 e D1)
Anhanguera no Novo Mercado
O grupo educacional Anhanguera pretende fazer uma emissão primária de ações que pode chegar a R$ 850 milhões. Antes, vai converter suas ações preferenciais em ordinárias e migrar para o Novo Mercado. (Págs. 1 e D11)
Gestão feminina
Empresas de auditoria adotam políticas para reter executivas. Iniciativas vão de aconselhamento e "coaching" até flexibilização de horários e "home office" para grávidas e mães de filhos pequenos. Objetivo é mostrar que e possível conciliar a vida familiar e a carreira, diz Carla Bellangero, da KPMG. (Págs. 1 e D12)
Ideias
Claudia Safatle

Fazenda prepara defesa do câmbio com penalização de operações com derivativos e capitalização do Fundo Soberano. (Págs. 1 e A2)
Ideias
André Nassif

Como a queda dos juros não será rápida, só resta ao Brasil impor controles quantitativos ao ingresso de capital de curto prazo. (Págs. 1 e A14)
------------------------------------------------------------------------------------
Estado de Minas
 
Manchete: Cristiano Machado começa a se tornar via expressa
Intervenções na avenida devem reduzir em0 20 minutos o tempo do percurso da área central de BH até o aeroporto de Confins. A primeira etapa das obras, que fica pronta no mês que vem, prevê a supressão de um semáforo e a ampliação de uma faixa de tráfego entre as avenidas Silviano Brandão e José Cândido da Silveira, no sentido Centro-bairro. Ao todo, serão retirados 13 dos 27 sinais de trânsito e construídas quatro passarelas, a um custo de R$ 3,3 milhões, até maio de 2011. (Págs. 1 e 23)

Foto legenda: Obra na Cristiano Machado: pista terá nova faixa no trecho entre o viaduto sobre a Avenida Silviano Brandão e a José Cândido da Silveira, no sentido Centro-bairro. (Pág. 1)
Eleições 2010: Serra faz promessas a prefeitos em Minas. PP fecha com Dilma
Em BH, ao lado de Anastasia, Aécio e Itamar, Serra se encontrou com prefeitos mineiros, prometeu executar uma política municipalista e rever as alíquotas do Fundo de Participação dos Municípios. Em Brasília, o senador Francisco Dornelles garantiu apoio formal do PP à petista. Ela também recebeu apoio de bispos, padres, pastores e teólogos.

Máquina pró-tucano...

Dezenas de prefeitos mineiros usam carros oficiais para participar de ato de campanha de Serra em BH. Ministério Público considera a prática irregular.

...Máquina pró-petista

Em solenidade no Piauí, Lula sai em defesa de Dilma, diz que já foi alvo de mentiras em eleições e é acusado de usar palanque oficial na campanha.

Pinduca de novo, não!

Deputado estadual tem recurso negado pelo TSE e pode ficar sem mandato. Ele foi enquadrado na Lei Ficha Limpa, que veta candidatos condenados. (Págs. 1, 3 a 5 e 8 a 10)
Genética: Pesquisadores fecham cerco ao vírus da raiva
Cientistas da USP sequenciam RNA do micro-organismo e abrem caminho para combater doença. (Págs. 1 e 20)
Imóveis: Importados invadem a construção civil (Págs. 1 e 13)
 
Euforia no Chile: Presidente capitaliza resgate dos mineiros (Págs. 1, 18 e 19)
 
------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio
 
Manchete: 30 ataques a caixas e nada de prisão
Banco do Brasil de Moreno foi o alvo da vez dos bandidos. Trigésimo assalto a terminais eletrônicos do ano foi também o 11º com explosivos. Polícia diz que não pode estar em todas as agências do Estado e cobra investimentos dos bancos em segurança. (Pág. 1)
Eleição (Pág. 1)
 
Tiros e medo (Pág. 1)
 
------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora
 
Manchete: Apoio a Serra aprofunda divisão do PMDB gaúcho
Em reunião tensionada por vaias e aplausos, partido decide recomendar voto no tucano, mas sai rachado. (Págs. 1, 6 e 10)
Disputa acirrada: Sensus aponta empate técnico no 2º turno
Dilma aparece com 46,8% e tucano com 42,7% em pesquisa que tem margem de erro de 2,2 pontos para baixo ou para cima. (Págs. 1 e 12)
Os resgatados: Como era a democracia a 700 metros da superfície
Luis Urzúa, o líder e último a ser retirado da mina no Chile, conta que as decisões eram tomadas em votações. (Págs. 1 e 32 a 34)
Foz do Chapecó: Nova hidrelétrica começa a operar
Instalada entre Alpestre e Águas de Chapecó (SC), usina vai gerar o equivalente a 18% do consumo no RS. (Págs. 1 e 49)
------------------------------------------------------------------------------------
 
INFORMATIVO
 
 
 
O Observatório Cidadania de Pirassununga não poderia assistir calado ao que está ocorrendo em nossa cidade, sobretudo quando nossas autoridades tentam retirar a garantia jurídica do cidadão de controlar os trabalhos efetuados no âmbito da Câmara Municipal.
 
Diante disso, optou-se por ajuizar uma Ação Civil Pública para procurar compelir a Câmara Municipal de Vereadores à abertura de Comissão Especial de Inquérito, em consonância com o disposto no art. 28, da Lei Orgânica Municipal.
 
A ação foi proposta em 13 de outubro de 2010, sendo distribuída para a 2ª Vara Judicial Cível, com o nº de ordem 1325/2010.
 
Não se pode garantir se a ação terá sucesso ou não, mas o fato concreto é que alguma coisa teria que ser feita em nome da coletividade. E o Observatório Cidadania tratou de fazer!!!
 
Segue a petição inicial da Ação Civil Pública em face da Câmara Municipal.
 
Vamos em frente.
 
Abs
 
Markinho
 
Repasse. Se nos anos de 1940 existisse internet, Hitler não teria assassinado milhões de judeus.
 
 
Buya neles!!!
 
 
Repasse: se nos anos 40 existisse internet, Hitler não teria assassinado milhões de judeus.
 
Buya neles!!!
 
 
 
 
- Buya




Buya ©.Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta
página em qualquer meio de comunicação.