- Links
» Página Inicial
» Estadão
» Revista Veja
» Revista Época
» Folha de São Paulo
» Revista Isto É
» Revista Carta Capital
» Prefeitura de Pirassununga
-
BALAIO DO BUYA
Jornal Virtual
-
» Contato
 
 
- Balaio do Buya
SINOPSE DOS PRINCIPAIS JORNAIS DO PAÍS

10 de março de 2010

O Globo
 


Manchete: Dilma infla dados e Petrobras é obrigada a dar explicações
 

Ministra anunciou investimento de R$ 85 bi, mas estatal diz que serão R$ 79,45 bi

Na terceira "inauguração" de obras do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), anteontem, a pré-candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, disse que a Petrobras deverá investir R$ 85 bilhões este ano, o que obrigou a estatal a divulgar nota corrigindo a informação. Dirigida ao mercado financeiro e à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a nota diz que os investimentos previstos hoje são de R$ 79,45 bilhões. Mas o mercado espera que eles serão aumentados ainda neste mês. Dilma, que é ministra da Casa Civil e presidente do Conselho de Administração da Petrobras, não comentou o caso ontem. Como a estatal é uma companhia de capital aberto, com ações negociadas na Bolsa de São Paulo e em Nova York, toda informação nova precisa seguir ritos especiais para ser divulgada, já que um dado tornado público, de forma pouco transparente ou a um grupo restrito, pode deixar alguns investidores com informações privilegiadas. Dilma e a Petrobras podem ser investigadas pela CVM, mas o órgão não confirmou se isso ocorrerá. (págs. 1, 3 e 4 e Míriam Leitão)

Serra ´inaugura´ pré-edital

Pré-candidato do PSDB à Presidência, o governador paulista José Serra viajou ontem a Santos para lançar uma ponte que ainda vai ser licitada. O também tucano Aécio Neves disse ontem que será um soldado da campanha de Serra. (págs. 1 e 8)

Caso Bancoop: ex-segurança acusa Vaccari (págs. 1 e 12)
 


Paes já gastou R$ 322 mil em jatinhos fretados (págs. 1 e 14)
 


Plano dá a militar poder de prisão na fronteira
 

A Câmara aprovou projeto de lei que dá aos militares poder de prisão em ações de patrulhamento em regiões de fronteira. A proposta, elaborada pelo ministro Nelson Jobim, como parte de um Plano Nacional de Defesa, reforça o poder do ministro sobre as Forças Armadas. O texto segue agora para votação no Senado. (págs. 1 e 9)

Governo quer rever concessões para mineração
 

O governo vai cassar as concessões, que chegam a 150 mil no país, de quem não cumprir as regras de pesquisa e exploração de minas.
"Ninguém vai estuprar ninguém. Vamos seguir as regras", disse o ministro Edison Lobão. (págs. 1 e 21)

Retaliação pode atingir Hollywood
 

O segundo passo da retaliação do Brasil aos EUA pode ter como alvos os direitos autorais de filmes e a cassação de patentes de medicamentos. (págs. 1, 23, Elio Gaspari e editorial "Sem alternativa")

Quebras de sigilo serão controladas
 

Procuradores e promotores serão obrigados a informar mensalmente à Corregedoria do Conselho do MP os números dos telefones e as pessoas que estão sendo investigados com "grampos" legais. (págs. 1 e 9)

------------------------------------------------------------------------------------

Folha de S. Paulo
 


 

Manchete: Lula compara preso político de Cuba aos bandidos de SP
 

Presidente critica greve de fome; para dissidente, ele é ´cúmplice da tirania´

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu respeito às decisões do governo de Cuba e condenou o uso da greve de fome por dissidentes como instrumento para que eles sejam soltos, comparando-os a criminosos comuns durante entrevista à agência Associated Press.

"Temos de respeitar a determinação da Justiça e do governo cubanos. A greve de fome não pode ser um pretexto de direitos humanos para liberar as pessoas. Imagine se todos os bandidos presos em São Paulo entrarem em greve de fome e pedirem liberdade", afirmou.

Em 23 de fevereiro, um dia antes de Lula visitar Cuba e se reunir com os irmãos Fidel e Raúl Castro, o preso político Orlando Zapata Tamayo morreu depois de 85 dias sem comer. Desde então, aumentaram as críticas ao regime cubano e à sua política de direitos humanos.

O dissidente Guillermo Fariñas, em greve de fome há 15 dias pela libertação de 26 presos, disse em entrevista a Flávia Marreiro que Lula é "cúmplice da tirania dos Castro": "A maioria do povo cubano se sente traído por um presidente que um dia foi preso político". (págs. 1 e Mundo)

Governo manda a Fiat realizar recall do Stilo
 

Numa decisão inédita, o governo ordenou um recall dos veículos Stilo fabricados a partir de 2004 para reparar defeito na roda traseira.

A Fiat foi multada em R$ 3 milhões por ter continuado a vender o veículo mesmo após notificação. O problema é apontado como o motivo de pelo menos 30 acidentes - 8 deles com mortes.

O Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, do Ministério da Justiça, orientou os donos dos veículos a procurar a montadora. A Fiat confirmou que fará em breve o recall.

A empresa classificou a decisão como "inusitada". Afirmou discordar
"totalmente" do laudo que embasou a exigência (págs. 1, B1 e B3)

Foto legenda: Chama eterna
 

Em Jerusalém, Joe Biden, vice de Barack Obama, visita memorial do Holocausto; Israel anunciou a construção de mais 1.600 casas em área reivindicada pelos palestinos, irritando os EUA (págs. 1 e A15)

Cooperativa sob investigação tem 19 obras que não saíram do papel
 

Dos 53 empreendimentos lançados pela Bancoop (Cooperativa Habitacional dos Bancários), 19 não chegaram a sair do papel. A entidade é investigada pelo Ministério Público por suposto desvio de recursos para ex-dirigentes e para o PT.

Associados da cooperativa questionam o destino do dinheiro das obras. A Bancoop diz que os projetos pararam "por falta de interesse dos cooperados"; a entidade nega ter havido desvio. (págs. 1 e A4)

Após pressão, Previdência susta cobrança de novo seguro
 

Pressionado pelo setor industrial, o governo Lula suspendeu a cobrança do novo seguro de acidente de trabalho para mais de 7.000 empresas que entraram com recurso. Houve contestação dos cálculos do Ministério da Previdência. A suspensão vale até que os processos sejam examinados pela pasta.

Para a confederação da indústria, há aumento de encargos. Segundo o governo, não existiu intenção de elevar a arrecadação. (págs. 1 e B4)

Cotidiano: Depois de ameaça de greve, governo Serra dá reajuste a policial (págs. 1 e C6)
 


Editoriais
 

Leia "Estratégia comercial", sobre retaliação aos EUA; e "Queda de braço", acerca da greve de professores em SP. (págs. 1 e A2)

------------------------------------------------------------------------------------

O Estado de S. Paulo
 


 

Manchete: Lula defende regime cubano e compara dissidente a criminoso
 

Presidente diz que opositores de Cuba foram presos de acordo com a lei da ilha

O presidente Lula disse ontem, sobre os presos políticos cubanos, que é preciso “respeitar a determinação da Justiça e do governo cubano, de prender as pessoas em função da lei de Cuba". A declaração foi feita no dia em que dissidentes pediram a Lula que intercedesse pela libertação de 20 presos políticos. Por causa deles, um jornalista está em greve de fome. O presidente comparou os presos de consciência a criminosos comuns: "Greve de fome não pode ser usada como pretexto de direitos humanos para libertar pessoas. Imagine se os bandidos presos em São Paulo entrassem em greve de fome e pedissem libertação". Em fevereiro, Lula silenciou a respeito da morte de um dissidente cubano em greve de Fome. (págs. 1, A12 e A13)

Artigo: Para ser preso, basta a suspeita
Nik Steinberg pesquisador

Pela lei de "periculosidade" de Cuba, quem não cometeu nenhum crime pode ser preso sob a suspeita de que poderia cometê-lo no futuro. Atividades "perigosas" incluem tentar formar um sindicato independente. (págs. 1 e A12)

Foto legenda: Protesto - Fariñas está em greve de fome desde 24 de fevereiro para exigir libertação de 20 presos

EUA não oferecem acordo ao Brasil
 

O primeiro passo nas negociações de uma alternativa "pacífica" às retaliações comerciais do Brasil contra os EUA frustrou-se com a ausência de oferta americana. A expectativa brasileira era que uma proposta de compensação comercial fosse entregue, o que não ocorreu. O Brasil já está finalizando a lista de direitos de propriedade intelectual que podem ser objeto da retaliação. (págs. 1 e B1)

Frase
Miguel Jorge - Ministro do Desenvolvimento
"Claro que não vamos abrir mão das retaliações"

Serra e Dilma exploram obras que estão só no papel
 

A menos de um mês da desincompatibilização para disputar a Presidência, o governador paulista, José Serra (PSDB), e a ministra Dilma Rousseff (PT) aparecem ligados a grandes obras que aparecem apenas no papel. Ontem, o tucano foi a evento em que apresentou a maquete de uma ponte, a Santos-Guarujá. Do lado petista, o presidente Lula quer lançar, antes da saída de Dilma, projetos do PAC que só serão feitos no próximo governo. (págs. 1, A8 e A10)

Petrobras corrige dado da ministra
 

A Petrobras corrigiu ontem declaração feita na véspera por Dilma Rousseff. Em nota, a estatal diz que tem orçamento de R$ 79,5 bilhões para 2010 e não de R$ 85 bilhões, como anunciado pela ministra. (págs. 1 e A8)

CNJ aprova depoimentos a distância para presos
 

O Conselho Nacional de Justiça aprovou regras para que juízes ouçam testemunhas e presos por meio de videoconferência. A expectativa é de mais rapidez e menos riscos à segurança. Também está previsto uso de sistema eletrônico para comunicação de prisão em flagrante. (págs. 1 e C1)

Imunização de crianças reduz casos de gripe em 60%
 

Pesquisadores canadenses concluíram que a imunização de crianças e adolescentes que frequentam escola reduz em cerca de 60% a ocorrência de gripe comum. No Brasil, pessoas entre 3 e 19 anos não estão incluídas na campanha de vacinação contra gripe suína. (págs. 1 e A16)

Colunista Marcos Sá Corrêa
 

Estudo avisa que está passando a hora de o Brasil pensar em alternativas às hidrelétricas, como energia solar, eólica, das marés e biomassa. (págs. 1 e A18)

Automóveis: Governo determina recall do Fiat Stilo
 

Montadora terá de pagar multa de R$ 3 milhões por negar defeito em roda. (págs. 1 e B15)

Notas e Informações: ´Turbinação´ consentida
 

A situação de pré-candidato parece isentar candidatos de responsabilidade pelo descumprimento da legislação. (págs. 1 e A3)

------------------------------------------------------------------------------------

Jornal do Brasil
 


 

Manchete: Os riscos da facilidade em compras na internet
 

Confirmação em um só clique é tendência perigosa ao consumidor

Para comprar na internet há cada vez mais facilidades, com direito a aquisição de produtos com um único clique. Mas o conforto não é o mesmo para cancelar a compra. Entidades de defesa do consumidor lembram que os clientes que adquirirem produtos fora de estabelecimentos comerciais – por telefone ou lojas virtuais – tem até sete dias após a entrega para desistir da negociação. Dessa forma, o dinheiro empenhado deverá ser totalmente devolvido, e o cliente não pode gastar nenhum valor para efetuar a devolução. Mas no caso dos sites, não há uma política clara sobre o assunto. O Submarino, que lançou a opção de comprar a um só clique há 16 dias, não se pronuncia. A saraiva, que inaugurou o serviço esta semana, aconselha, no caso de desistência, o cliente entrar em contato com a empresa – que promete seguir as regras do Procon. (págs. 1 e Economia A17)

Lula defende Dilma de ataques
 

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse ontem que a pré-candidata do PT a sua sucessão, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, não levará o país para a esquerda ou elevará excessivamente o controle do Estado sobre a economia. Dilma negou que esteja fazendo campanha antecipada e inaugurando obras inacabadas. (págs. 1 e País A4 e A5)

Decisão de Israel gera mal-estar
 

No dia em que o país recebia o vice-presidente americano, Joe Biden, o governo de Israel anunciou a construção de 1.600 casas para colonos judeus em Jerusalém Oriental, a parte da cidade de maioria árabe anexada pelo Estado hebreu em 1967, após a Guerra dos Seis Dias. Os EUA condenaram a decisão israelense. (págs. 1 e Internacional A20)

Fiat, multada, fará recall
 

A Fiat do Brasil será multada em R$ 3 milhões, pelo Ministério da Justiça, e terá que fazer recall de todas as unidades do modelo Stilo fabricadas a partir de abril de 2004. O Departamento Nacional de Trânsito informou que o problema foi constatado no conjunto do cubo da roda, que pode romper-se, como já ocorrera. (págs. 1 e Economia A18)

Informe JB
 

Dilma Rousseff na carona do Conselhão. (págs. 1 e A4)

Anna Ramalho
 

Alemães de olho no lucro de eventos no Brasil. (págs. 1 e A16)

Sociedade Aberta
 

José Luiz Niemeyer
Cientista político

José Serra e a grande chance de perder a eleição (págs. 1 e A12)

Sociedade Aberta
 

Carlos Alberto Rabaça
Sociólogo e professor

O despertar da mulher. (págs. 1 e A11)

------------------------------------------------------------------------------------

Correio Braziliense
 


 

Manchete: PGR reprova prisão domiciliar para Arruda
 

A saúde de José Roberto Arruda tornou-se um embate entre os advogados de defesa, o Ministério Público e a Polícia Federal. Amigos e a primeira-dama, Flávia Arruda, fazem apelos sobre o estado físico do governador, mas o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, é contrário ao benefício da prisão domiciliar. Segundo as autoridades, Arruda está recluso em condições dignas, e exames médicos não apontam alteração no quadro clínico do preso. O Superior Tribunal de Justiça autorizou o cardiologista Brasil Caiado, médico particular de Arruda, a visitá-lo na Superintendência da PF. Caiado examinou o paciente por uma hora e meia. Verificou pressão arterial e taxa de glicose altas, mas descartou a necessidade de internação. Hoje Arruda será submetido a exames de urina, sangue, eletrocardiograma e monitoramento de pressão. (págs. 1 e 27)

Foto legenda: E as férias continuam…
 

No segundo dia letivo, os alunos da UnB receberam o aviso de que ficarão sem aula. Os professores da universidade entraram em greve, como protesto pela suspensão do pagamento de gratificação. Corte no salário segue recomendação do Tribunal de Contas da União, mas está em análise no Supremo Tribunal Federal. (págs. 1 e 34)

Fiat terá que fazer recall do Stilo
 

Denatran determina reparos no modelo. Defeito pode romper o cubo e levar à soltura da roda. (págs. 1 e 19)

Eleições: Despesa do Planalto com diária sobe 120%
 

Os gastos da Presidência com diárias de funcionários para os preparativos das viagens de Lula somaram R$ 1,24 milhão em 2010. O valor é 120% superior ao de 2009. Lula dobrou o número de visitas a obras, a maioria das vezes, na companhia de Dilma Rousseff. (págs. 1 e 2)

Enem: MEC promete, mas não restitui taxa de inscrição (págs. 1 e 8)
 


------------------------------------------------------------------------------------

Valor Econômico
 


 

Manchete: Empresas chegam a dobrar o lucro em ano de retração
 

Um olhar rápido sobre os números consolidados de 88 balanços de companhias abertas já divulgados mostra que a crise foi cruel com os setores de aço e minérios em 2009. O negócio das siderúrgicas e mineradoras brasileiras perdeu no ano passado o equivalente à receita líquida de todo o setor de alimentos com capital aberto, perto de R$ 50 bilhões, segundo levantamento do Valor Data.

Excluídas as empresas desses dois setores, fica a impressão de que os efeitos da crise foram brandos - a marolinha prevista pelo presidente Lula. O faturamento líquido consolidado das demais companhias aumentou 11,6%, para R$ 341,4 bilhões, e o lucro líquido quase dobrou, chegando a R$ 34,5 bilhões. No total, o conjunto das 88 companhias teve queda de 2,3% no faturamento e de 7,2% no lucro líquido. (págs. 1 e D1)

Transpetro abre licitação de US$ 400 mi
 

A Transpetro, braço logístico da Petrobras, lança hoje uma das maiores encomendas já vistas no país para o transporte de cargas, por hidrovia. A empresa abrirá concorrência para contratar a construção de 20 comboios - 20 empurradores e 80 barcaças - para o transporte de etanol pela hidrovia Tietê-Paraná. Estimativas de mercado indicam que o valor total das embarcações pode ficar em cerca de US$ 400 milhões. Ao todo, 25 empresas nacionais e estrangeiras serão convidadas a participar do negócio, que terá um conteúdo nacional de 10%. "Até setembro ou outubro esperamos ter os contratos assinados", disse Sergio Machado, presidente da Transpetro. (págs. 1 e B1)

Foto legenda: Reforço no balcão
 

Aumento da renda do brasileiro eleva vendas das grandes redes de farmácias, que aceleram planos de expansão. A Drogaria São Paulo deve abrir mais 40 lojas em 2010, diz Gilberto Ferreira. (págs. 1 e B4)

EUA querem "negócios, não guerra"
 

O secretário de Comércio dos EUA, Gary Locke, chegou a Brasília com a seguinte mensagem: "Queremos fazer negócios, não guerra". Esse foi o tom das conversas do emissário de Barack Obama com os ministros do Desenvolvimento, Miguel Jorge, e da Casa Civil, Dilma Rousseff, e também com o secretário-geral do ministério das Minas e Energia, Márcio Zimmerman. Em um intervalo entre as reuniões, Locke falou ao Valor e sugeriu que pode estar próximo o atendimento a uma antiga reivindicação brasileira, o fim da taxa sobre importações de etanol.

Em "poucos dias" virá ao país uma delegação americana para tentar demover o Brasil da decisão de aplicar sanções contra empresas dos EUA em retaliação a subsídios aos produtores americanos de algodão. O objetivo é evitar o conflito, com a ideia de que numa guerra comercial ninguém ganha. (págs. 1 e A3)

São Bernardo preserva as marcas de Lula
 

A nove meses do fim do mandato presidencial, sem a perspectiva de novas lideranças sindicais da região ascenderem ao topo da política nacional, São Bernardo do Campo prepara um "tombamento" em vida do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O processo começou pelo antigo estádio de Vila Euclides, agora chamado de 1º de Maio. O prefeito da cidade, Luiz Marinho (PT), anunciou o plano de criar no local, tombado provisoriamente, o Museu do Trabalho. No diretório do PT, cujo andar superior esteve prestes a abrigar uma pizzaria, o presidente terá suas mãos impressas em tinta nas paredes. No Sindicato dos Metalúrgicos, o prédio carece de reformas, mas ninguém ousa mexer nas marcas de balas nas paredes, relíquia da época da intervenção, em 1980. (págs. 1, A6 e A7)

Fundos de capital de risco definham com falta de empréstimos (págs. 1 e B12)
 


"Ponte aérea"
 

Transporte aéreo de passageiros entre o Brasil e os Estados Unidos deverá crescer a uma média anual de 7% até 2030 e já atrai o interesse de companhias americanas. (págs. 1 e B4)

Investimentos calçadistas
 

Mercado interno em alta, tarifa antidumpmg contra produtos chineses e recuperação das exportações animam os fabricantes brasileiros de calçados a retomar planos de investimento em expansões. (págs. 1 e B6)

CSN projeta o futuro
 

Benjamin Steinbruch, controlador da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), retoma planos de abrir o capital de suas empresas, divididas em áreas de negócios. As ações da empresa subiram 3,92% ontem. (págs. 1, B10 e D2)

Classificação do trigo
 

Produtores defendem mudanças na proposta do governo para reclassificação do trigo para efeitos de preço mínimo. Objetivo da medida é melhorar a quantidade do cereal produzido no Brasil. (págs. 1 e B13)

Recomposição de preços
 

Os preços internacionais da carne bovina se mantêm em recuperação, após uma fase de mercado deprimido em decorrência da crise. Na Europa, as cotações já estão perto das médias de 2007 e 2008. (págs. 1 e B14)

Febraban busca presidente
 

Aos 43 anos de existência, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) vai profissionalizar sua gestão. Um executivo de mercado - e não um banqueiro - deverá suceder Fábio Barbosa na presidência. (págs. 1 e C1)

Guerra do consignado
 

Os bancos médios conseguiram liminares no Rio Grande do Norte e Paraíba contra a exclusividade do BB no crédito consignado aos servidores. (págs. 1 e C11)

Chuvas atingem balanço
 

Queda de barreira e alagamentos provocados pelas chuvas no fim de 2009 levaram a América Latina Logística (ALL) a enfrentar um de seus piores períodos. O prejuízo no quarto trimestre foi de R$ 63,7 milhões. (págs. 1 e D4)

Ideias
 

Martin Wolf: superávits em conta corrente da Alemanha impossibilitam eliminação de déficit fiscal dos vizinhos. (págs. 1 e A13)

Ideias
 

Carlos Lessa: país continuará recebendo capitais especulativos ciganos. (págs. 1 e A13)

------------------------------------------------------------------------------------

Estado de Minas
 


 

Manchete: Brasil terá maior safra da história (pág. 1)
 


------------------------------------------------------------------------------------

Jornal do Commercio
 


 

Manchete: Hora de comprar a casa própria
 

Começa hoje, no Centro de Convenções, a terceira edição do Salão Imobiliário de Pernambuco, que reúne 35 construtoras e oferece 4 mil unidades, com preços a partir de R$ 64 mil. (pág. 1)

Delegados fazem greve de 24 horas por plano de cargos (págs. 1)
 


EUA tentam negociar com Brasil e evitar sobretaxa de produtos (pág. 1)
 


Terremoto não afeta a popularidade de Bachelet no Chile (pág. 1)
 


------------------------------------------------------------------------------------

- Buya




Buya ©.Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta
página em qualquer meio de comunicação.